Seu melhor amigo vira namorado.

11:12

Escrever sobre amor sempre foi um dos maiores desafios para mim. Pegar um papel e uma caneta para rabiscar uma folha em branco quando se está sofrendo é extremamente fácil, as palavras saem espontaneamente. Isso ocorre porque quando amamos não sabemos traduzir o que sentimos, tudo acontece dentro de nós e nenhuma palavra em todos os vocabulários existentes consegue decifrar...


Não foi da noite para o dia e nem de uma hora para outra, foi no tempo que tinha que ser. Foi de mansinho, aquelas olhadas tímidas de adolescentes entediados pela matéria na lousa, aquele sorriso entre ombros e a primeira palavra trocada.Lembro-me como se fosse hoje da nossa primeira conversa, aquela conversa. Tudo era como se conhecesse a anos, as palavras fluíam naturalmente, sem que parasse para pensar em que respostar dar ou procurar assuntos. A principio era a amizade!

Quem disse que agora não é? Esse lance de ser tudo mil maravilhas, daqueles típicos de filmes, do começo do namoro acabou. E é nesse exato momento em que tudo muda e fica bem mais divertido do que clichê.

A grana começa a apertar para um dos lados, aqueles jantarzinhos de sábado a noite vai ter que ser trocado por seriados na televisão em casa em baixo de um edredom com pipocas; Um vai ficar estressado e não querer falar com ninguém, nisso você só se sentará ao lado e segurar sua mão; Um dia alguém vai pegar uma gripe e parar no hospital estragando com o programa a dois e mesmo assim será divertido, pois ainda estarão juntos; Você entrará de tpm e querer acabar com  o relacionamento e desejá somente uma boa panela de brigadeiro, mas verás que enfrentar sem ele ao lado é bem pior.

Bem vindo a vida real. Cheia de altos e baixos, todo dia nos testando e fazendo-nos buscar o nossos limites. E é nessas horas que seu melhor amigo entra, aquele que enfrenta tudo com você, que ultrapassa barreiras, quebra limites, aquele que não procura apenas por um amaço e sim aquele que busca pelo seu abraço. É o porto seguro, pois bem, é assim que eu me sinto agora.

 face  insta  youtube  twitter  

Você pode amar também

Comente com o Facebook:

2 comentários